Un xardín con alma de museo....

As camélias de Quinteiro da Cruz iluminam um jardim com alma de museu. Uma coleção de peças únicas presas às sebes, à maneira de tabiques que separam os caminhos. De rotundas, esconderijos e escadas que se abrem no fim para uma paisagem de vinhas.

 

Fugazes e obrigatoriamente irrepetíveis, as camélias de Quinteiro da Cruz dispersam-se pelo jardim quando fevereiro chega. Enchem-no de grandes ou pequenas faíscas de cores que cintilam por entre as sombras das sebes. E quando morrem têm já valor de monumento.

Todo este património de beleza aumenta em cada inverno os seus fundos. Do Oriente, do Vietname, do Japão ou da China, e por vezes da imaginação, sem irmos mais longe, chegam infinitas variedades de camélias que compõem uma exposição que não pode ser nem mais temporária nem mais eterna; uma completa amostra de arte vegetal.

Efémeras, serenas. Camélias de vanguarda, vermelhas, pretas. De pétalas com pintas, que em Quinteiro da Cruz se tornam, na verdade, obras amestras.

Informação visitas:
+34 619 110 806

Ligações relacionadas...

DOCUMENTOS RELACIONADOS...

Xunta de Galicia

© 2016 Turismo de Galicia | Todos os direitos reservados
Política de privacidade | Contacto | Accesibilidade

Galicia
Arriba