CUMIO DA CUROTIÑA

Espaços naturais
434
No Caminho de Santiago

Posição

A Pobra do Caramiñal - A Coruña

Coordenadas:
42º 36' 54.1" N - 8º 58' 24.6" W

Descrição

Na realidade são duas moles graníticas, A Curotiña (368 m) e A Curota (498 m). Eles não são os mais altos nem os únicos miradouros da serra do Barbanza, com o ponto mais elevado no monte Iroite (685 m), mas são sim dos melhores para ter uma perspectiva quase aérea das Rias Baixas, e, nos dias claros, dizem que até de Portugal. Então, transformam-se no melhor ponto para perceber o sossego das rias enquanto aos nossos pés os barcos e os viveiros de mexilhões parecem figuras de uma maqueta enorme.
A escassa distância do mar e o forte desnível gera descidas a pique dos rios. Da Pobra do Caramiñal pode-se cegar passo por passo às cascatas do rio Pedras. De Boiro às de Cubelos. Nos meses do verão as suas frias águas recompensam o cansaço da ascensão sempre a tento.
Por todos os lados vamos ver restos megalíticos. Dólmenes como a Arca do Barbanza e Casota do Páramo (Boiro) ou ode Axeitos (Ribeira); castros como o deBaroña (Porto do Son) ou os de O Neixón (Boiro). Valores paisagísticos de primeira categoria. Nas planícies elevadas da Serra do Barbanza assentam terrenos de turfeira, ecossistemas de uma grande riqueza.

Acesso

Pela via rápida do Barbanza (VRG11) ou estrada C-550 com desvios em vários pontos para realizar a ascensão desde A Pobra do Caramiñal.

Caminhos de Santiago

Rota Marítimo-fluvial

Situação

No município da Pobra do Caramiñal, na serra do Barbanza, dentro da península do mesmo nome.

Superfície

50,3 ha.

Servizos

Alojamento e refeições nas vilas próximas.
Natureza Espaços naturais Sítio natural de interesse turista
Arriba