ESTACA DE BARES

Espaços naturais
610

Posição

A Coruña

Mañón | Ortigueira

Coordenadas:
43º 47' 09.3" N - 7º 41' 03.0" W

Descrição

O olhar do norte
Latitude 43º 47′ 23.6″ N, longitude 7º 41′ 17.9″ W. Na carta de apresentação da ponta Estaca de Bares sempre se incluem as coordenadas como o ponto mais setentrional da Península Ibérica e, além disso, divisória geográfica entre o oceano Atlântico e o mar Cantábrico. Este enclave já foi declarado Sítio Natural de Interesse Nacional nos tempos da II República.
A esta situação estratégica deve grande parte a sua fama internacional de passagem obrigatória para centenas de milhares de aves. A este ponto conduzem várias rotas migratórias de espécies marinhas e terrestres provenientes do Atlântico, Mediterrâneo e o Árctico. As valorizações mais optimistas alcançam números que excedem os dois milhões e meio de exemplares voando para o oeste os que por aqui passam. É o lugar ideal para observar não só aves como, por exemplo, o ganso-patola, como também cetáceos em águas próximas.
Além do farol, existe um miradouro no antigo semáforo da Marinha, convertido, na actualidade, num hotel de natureza. Desde ali podemos ver os restos da base de controlo marítimo nos alcantilados ao lado da qual se penduram em vertigem uma sucessão de moinhos que formam um conjunto que nos traz imagens de terra mais ao norte. Contudo, a intervenção humana mais antiga é o cais préromano de Bares (Mañón).
O espaço protegido abrange também a costa de Loiba (Ortigueira) cujos gigantes alcantilados protegem alguma das praias mais solitárias da Galiza devido ao seu difícil acesso. A força do mar explica o curioso sistema de amarração das lanchas que nesta zona sustém-se nas encostas por roldanas para evitar que a preia-mar as leve.
Muito próximo ao espaço protegido vale a pena aproximar-nos à vila marinheira de Porto do Barqueiro e à estampa idílica do rio Sor na desembocadura.

Acesso

Pela estrada AC-862 (Ferrol-Viveiro) até à ria de O Barqueiro e desvio em direcção ao porto de Bares, pela AC-100.

Situação

Extremo Norte da província de A Coruña, municípios de Ortigueira e Mañón.

Superfície

935,79 ha.

Servizos

Alojamento: Sim.
Refeições: Sim.

Outras características

Observação de pássaros
Natureza Espaços naturais ZEC - Rede natura 2000
Arriba