Turgalicia Turismo de Galicia

Xunta de Galicia
Início > Viva estas… experiências > Santuários mágicos > Itinerarios > Acrescentar a "A Minha viagem"
Ferrolterra

GEODESTINO

Ferrolterra

Geodestino do norte da província da Corunha. Ares, Mugardos, Cedeira, Ortigueira...

Ferrol

Ferrol

Curtida em mil batalhas, é uma sábia mistura de cultura, elegância urbana e poderio militar...

Santuários mágicos

A viagem dos três desejos

Este percurso pela recortada costa norte das províncias de A Corunha e de Lugo levar-nos-á por santuários mágicos erguidos no limite da terra com o mar.

Pequenos em tamanho, mas grandes na devoção que lhes é professada, em cada um deles respeitaremos a tradição e seguiremos os rituais para ver cumpridos os três desejos que pediremos ao longo deste espetacular caminho.

Interessa-lhe!

  • Início: Ferrol
  • Fim: Viveiro
  • Dias: 3
  • Km (aprox): 120 Km
“Quem não vai de vivo a San Andrés,  vai de morto três”

“O santo que te deu a doença 
que te dê a saúde, 
pelo poder que Deus tem, 
e San Andresinho, ámen”
Data de celebração das romarias:
- Santo André de Teixido:
A romaria principal tem lugar a 8 de setembro ainda que, ao longo do ano, se celebrem outras menos concorridas.
- Virxe de Chamorro: Segunda-feira de Páscoa.
- San Xiao de Trebo: 7 de janeiro.

Percurso - Dia 1º

Começaremos o nosso itinerário na cidade de Ferrol: um passeio pelo conhecido Bairro da Magdalena aproxima-nos da história desta cidade industrial e de marinheiros. Durante o percurso, não vos esqueçais de passar pelos miradouros de Herrera, um lugar a partir do qual tereis uma magnífica panorâmica do Arsenal, um impressionante complexo militar do século XVIII e uma das obras de engenharia mais importantes do Iluminismo. Aproveitai também para tomar algo numa das tascas e esplanadas do porto e recordar o itinerário do dia, que vos levará pelos lugares mais mágicos destes meandros do norte da Galiza.

Ampliar
A primeira paragem do nosso trajeto conduz-nos a um elevado cume de grandes rochas onde se encontra a ermida de Chamorro. Diz-se que o nome popular deste santuário tem origem na devoção que os marinheiros professam à Virgem. Ante o perigo de naufrágio, gritavam: “Xa morro!” (já morro!), esperando que a sua Padroeira os salvasse. Envolvidos por esta fé e pela adoração marinheira, entrai no santuário para deixar a vossa própria vela acesa; fechai os olhos um momento e pedi o primeiro desejo deste percurso mágico.
Em seguida, dirigimo-nos às praias de Covas, para uma pequena ilha muito próxima do litoral onde nos aguarda a ermida de Santa Comba. Na maré baixa, é possível descer à enseada que dava acesso à ilha e desfrutar dela. Orientada a norte, é ventosa e selvagem, sendo ideal para passear em qualquer época do ano. Este é um lugar de peregrinação no qual, desde o século XII, os romeiros rendem tributo e mostram a sua devoção a Santa Comba no último domingo de julho.
O caminho original para Santo André está sinalizado com o símbolo de um peixe (a sardinha que o santo comeu durante a sua viagem) e une-se, no município de Narón, com a outra variante mais conhecida e popular que começa no mosteiro de San Martiño de Xubia, em O Couto, a joia do românico na comarca. Os romeiros peregrinam quase 50 quilómetros até ao santuário de Santo André de Teixido. Não é difícil imaginar como o silvar do vento e as paisagens pitorescas acompanham os romeiros ao longo de todo o seu percurso mas, se estais em boa forma, em vez de o imaginar, é preferível fazê-lo.
Partilhe-me em...

A minha viagem

A miña viaxe

Preparando a viagem...

Armazene toda a informação necessária para organizar a sua viagem: museus, monumentos, locais de interesse, alojamentos, restaurantes...

Depois de o fazer, poderá ver o plano do seu itinerário, guardar informação em PDF ou exportar as suas localizações em GPS

Durante a viagem...

Já está a usufruir da Galiza. Aqui poderá consultar o plano da sua rota, guardar informação em PDF ou exportar as suas localizações em GPS. Se dispuser de um telemóvel com GPS, poderá ver a sua localização no mapa.

Despois da viagem

Agora que regressou, poderá anotar o que lhe pareceu aquilo que visitou e, também, marcar aquilo que não pôde ver, para não se esquecer da próxima!

Entrar
Xunta de Galicia Turismo de Galicia

© 2013 Turismo de Galicia | Todos os direitos reservados
Política de privacidade | Contacto | Accesibilidade

Acima