Na Ria de Corcubión, é uma ampla enseada que se abre a sul desde Finisterra. A partir do farol de Finisterra, de dia sente-se a imensidão do oceano e de noite a luz chega até 65 km de distância. Para sul, a praia de Carnota, a praia infinita, a praia infinita... Uma reserva natural com mais de 7 km de comprimento e até 1 km de largura na baixa-mar, de areia fina e dourada.

Pode haver recursos que não estejam georreferenciados e, portanto, não os está a ver.
Na Ria de Corcubión, o mundo parece feito por gigantes.

Nas proximidades existe o Monte Pindo, o Olimpo sagrado dos celtas. Uma montanha com 627 m ao lado do mar e cujo cume está coroado por imensas rochas, visíveis a quilómetros, com formas humanas e animais. A seus pés, em Ézaro, o rio Xallas precipita-se diretamente sobre o mar numa cascata com 40 m de altura, um espetáculo único na Europa.

Na aldeia de Carnota existe o maior espigueiro da Galiza, com 35 m de comprimento! É a Ria de Corcubión, terra de gigantes.

Xunta de Galicia

© 2016 Turismo de Galicia | Todos os direitos reservados
Política de privacidade | Contacto | Accesibilidade

Galicia
Arriba