Turgalicia Turismo de Galicia

Xunta de Galicia
  • Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés
    Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés

    Paisaxes da raia seca...

  • Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés
    Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés

    Paisaxes da raia seca...

  • Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés
    Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés

    Paisaxes da raia seca...

  • Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés
    Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés

    Paisaxes da raia seca...

Poderá interessar-lhe…

Ver mais
Celanova-Limia

GEODESTINO

Celanova-Limia

Celanova é terra de poetas como Curros Enríquez e Celso Emilio Ferreiro, que foram certamente inspirados pela beleza do meio que os rodeava...

Trilhos para descobrir um país

Trilhos para descobrir um país

Rotas que bordejam a costa do Atlântico e as rias, vales cobertos de vinhedos...

Parque Natural Baixa Limia - Serra do Xurés

Paisagens da “raia seca”...

Limia é um rio único. Escavou um corredor natural ao lado do qual a história foi deixando a sua marca humana. Nele, reúne-se um tecido fluvial que se desdobra em cascatas e quedas de água, repousa em barragens sucessivas, atravessa a fronteira e cede no fim as suas águas ao Atlântico. Ligam-se assim o maior Parque Natural da nossa comunidade ao de maior importância em Portugal, o Parque Natural Peneda-Gerês. Juntos, alcançam um só espaço protegido de caráter transfronteiriço, único na Europa.

Oulelas - Serra do Xurés-Baixa Limia
Trata-se da “raia seca”, dado que o traçado fronteiriço não se situa nos rios mas no alto das serras: O Laboreiro, Queguas e Quinxo ao norte; Santa Eufemia, O Xurés e O Pisco, ao sul. Os pontos mais elevados alcançam os 1500 metros de altitude, combinam as formas suaves dos velhos montes galegos com as mais abruptas. Picos e fragmentos graníticos redondos (bolos) que o tempo encavalgou em complicados equilíbrios, são um dos sinais de identidade da zona.
Encontraremos monumentos megalíticos, lendas de ouro e testemunho da passagem dos legionários romanos pela calçada XVIII ou Vía Nova. Os miliários que deixaram na calçada que ligava as capitais romanas de Braga e Astorga ainda permanecem de pé. A calçada atravessava a única passagem natural entre estes montes, a mítica Portela do Home, ponto fronteiriço de acesso ao território português.
Construções populares como os moinhos, colmeias amuralhadas (alvarizas), cabanas de pastores (chivanas), espigueiros, fornos, caminhos e cercas revelam a alma mais criativa dos seus povoadores. Um património herdado da tradição na dúzia de núcleos rurais que até à atualidade mantiveram a atividade agropecuária dentro do Parque. Bem como as aldeias d’O Couto Mixto, o território que manteve até ao ano de 1868 um estatuto de privilégios independente de Espanha e Portugal.
Partilhe-me em...

A minha viagem

A miña viaxe

Preparando a viagem...

Armazene toda a informação necessária para organizar a sua viagem: museus, monumentos, locais de interesse, alojamentos, restaurantes...

Depois de o fazer, poderá ver o plano do seu itinerário, guardar informação em PDF ou exportar as suas localizações em GPS

Durante a viagem...

Já está a usufruir da Galiza. Aqui poderá consultar o plano da sua rota, guardar informação em PDF ou exportar as suas localizações em GPS. Se dispuser de um telemóvel com GPS, poderá ver a sua localização no mapa.

Despois da viagem

Agora que regressou, poderá anotar o que lhe pareceu aquilo que visitou e, também, marcar aquilo que não pôde ver, para não se esquecer da próxima!

Entrar
Xunta de Galicia Turismo de Galicia

© 2013 Turismo de Galicia | Todos os direitos reservados
Política de privacidade | Contacto | Accesibilidade

Acima