Turgalicia Turismo de Galicia

Xunta de Galicia
Início > Viva estas… experiências > Caminho de Santiago > Acrescentar a "A Minha viagem"
Ria de Cedeira

Ria de Cedeira

Isto é o mar, bravo e generoso. Um mar de percebes…

Santiago de Compostela

CIDADES

Santiago de Compostela

Património da Humanidade desde 1985...

Caminho de Santiago

Caminho Inglês em veleiro e bicicleta de montanha

Vamos seguir uma das rotas marítimas jacobeias que eram utilizadas na Europa medieval para chegar a Compostela. Partindo de Cedeira, onde vamos contemplar as falésias mais elevadas da Europa e visitar Santo André de Teixido, navegaremos em veleiro até Ferrol. Uma vez chegados a esta cidade, empreendemos o Caminho de Santiago em bicicleta.

Interessa!

  • Ponto de partida: Cedeira
  • Ponto de chegada: Santiago de Compostela
  • Dias: 4
Vamos viver uma aventura trepidante, imitando os antigos peregrinos do norte da Europa e das ilhas britânicas, que antes de avançar por terra em direção à cidade santa de Santiago, desembarcavam no norte da Galiza.

Uma costa que nos irá revelar algumas das falésias mais elevadas da Europa na Serra da Capelada, onde também se encontra o belíssimo santuário de Santo André de Teixido. Vamos navegar em veleiro até Ferrol, onde iniciaremos o Caminho Inglês para Santiago de Compostela em bicicleta.

Mais informação...
-Torreão dos Andrade (Pontedeume). Tel.: (+34) 981 430 270
-Albergue de Bruma (Mesía). Tel.: (+34) 981 687 001
-Oficina do Peregrino (Santiago). www.peregrinossantiago.es

Percurso - 1º Dia

Navegamos em veleiro de Cedeira a Ferrol

 

Ampliar

Aconselhamos que pernoitem nos arredores de Cedeira para aproveitar ao máximo o dia seguinte. No município de Ferrol existe uma variada rede de hotéis de até quatro estrelas, que convivem com casas de turismo rural e outros estabelecimentos com encanto.

As falésias mais elevadas da Europa

Depois do pequeno-almoço, rumamos a um lugar conhecido como Garita de Herbeira, ao qual acederemos partindo de Cedeira. Durante o caminho, é comum ver cavalos selvagens que pastam livremente nos montes. A Garita é um miradouro espetacular sobre a costa norte do Atlântico, incrustado no coração da Serra da Capelada. No pequeno edifício de alvenaria em granito, domina-se uma panorâmica abismal, que irá revelar-nos as falésias mais elevadas da Europa, com uma inclinação quase vertical a mais de 600 metros acima do nível do mar.

Muito perto encontra-se o santuário de Santo André de Teixido. Um popular ditado afirma que aqui "vai de morto quem não foi de vivo". A capela encontra-se numa pequena aldeia branca que surge entre as falésias, no único ponto em que as montanhas se suavizam. Na capela encontra-se um original retábulo com a imagem maneirista do Apóstolo Santo André. Chamam a atenção os ex-votos deixados na ermida, que esperam a ação milagrosa do santo; ou os sanandresiños, pequenas figuras coloridas feitas em massa de pão, que representam os símbolos da chegada de Santo André a estas terras.

Uma paragem na travessia para ir a banhos numa praia paradisíaca

Abandonamos este lugar repleto de mitos, lendas e ritos, para continuarmos a pé até Cedeira durante um trajeto de doze quilómetros de grande beleza natural. Para imitar os antigos peregrinos procedentes do norte de Europa e das ilhas britânicas, que chegavam a estas costas por barco, propomos embarcar a meio da manhã num veleiro no porto de Cedeira navegando até Ferrol.

O périplo pode durar entre três e quatro horas, dependendo do vento. A travessia permite contemplar uma costa agreste, selvagem e indómita, que há pouco observávamos em terra, para participar como grumetes nas manobras do veleiro. Se o tempo for favorável, podemos parar em pequenas enseadas, inacessíveis de outra forma, para darmos um mergulho; também podemos fazê-lo em areais mais populares, como Pantín, considerado um verdadeiro paraíso para o surf.

Um ditado popular diz que a Santo André de Teixido "vai de morto quem não foi de vivo”

Comer tapas em Ferrol Velho

A bordo do veleiro ou na praia, tomaremos um piquenique especialmente preparado para a ocasião. No mar, estejam atentos, uma vez que não é incomum observar peixes-lua, baleias-piloto ou grupos de golfinhos. Deixando atrás Punta Frouxeira, Cabo Prior e as línguas de areia de San Xurxo e Doniños entramos na estreita ria de Ferrol até chegar ao porto de Curuxeiras, em Ferrol Velho, acostumado há séculos a receber os peregrinos por mar. Hoje apreciamos também um incessante tráfego de barcos que vão e vêm de Mugardos, pequena aldeia situada na outra margem.
Depois de desembarcar e de nos acomodarmos no estabelecimento selecionado, podemos percorrer Ferrol Velho com calma durante o resto da tarde. Atrás do passeio da Marina, as ruas conservam o típico ar marinheiro. Para jantar, sugerimos que façam como os locais, que adoram comer tapas no bairro Magdalena, declarado Conjunto Histórico-Artístico.
Partilhe-me em...

A minha viagem

A miña viaxe

Preparando a viagem...

Armazene toda a informação necessária para organizar a sua viagem: museus, monumentos, locais de interesse, alojamentos, restaurantes...

Depois de o fazer, poderá ver o plano do seu itinerário, guardar informação em PDF ou exportar as suas localizações em GPS

Durante a viagem...

Já está a usufruir da Galiza. Aqui poderá consultar o plano da sua rota, guardar informação em PDF ou exportar as suas localizações em GPS. Se dispuser de um telemóvel com GPS, poderá ver a sua localização no mapa.

Despois da viagem

Agora que regressou, poderá anotar o que lhe pareceu aquilo que visitou e, também, marcar aquilo que não pôde ver, para não se esquecer da próxima!

Entrar
Xunta de Galicia Turismo de Galicia

© 2013 Turismo de Galicia | Todos os direitos reservados
Política de privacidade | Contacto | Accesibilidade

Acima